Esporte e Notícia

sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Atlético-MG 0 x 3 Desportiva Paraense, Melhores Momentos - Copa SP

Desportiva Paraense surpreende e despacha Atlético-MG da Copinha
Equipe do Pará apresenta boa marcação, eficiência no ataque e vence os mineiros. 

Galo se despede da Copa São Paulo com uma vitória, uma derrota e um empate
O Atlético-MG não conseguiu confirmar o favoritismo no Grupo 22 da Copa São Paulo de Futebol Júnior e, na noite desta quinta-feira, deu adeus à competição. 

Em duelo contra a Desportiva Paraense, o Galo foi surpreendido pelo adversário e perdeu a partida por 3 a 0. Com boa postura defensiva e eficiência no ataque, a equipe do Pará abriu o placar logo aos cinco minutos do primeiro tempo, com Douglas Santos. 

Na etapa final, selou a vitória com gols de Marco Antônio e Leandro.
Com o resultado, o Atlético-MG se despede da Copinha na terceira colocação da chave, com quatro pontos. 

A Desportiva Paraense se classifica em segundo, com seis. O líder do grupo foi o Araxá-MG, que goleou o River-PI por 4 a 0 na partida realizada às 19h.
Na próxima fase, a Desportiva Paraense encara o Taubaté, líder do Grupo 21. 

A partida será realizada no estádio Joaquinzão, em Taubaté. A data, porém, ainda não foi divulgada. 

O jogo
Com boa postura em campo, a Desportiva Paraense surpreendeu o Atlético-MG logo aos cinco minutos de jogo. 

Após lançamento, Douglas Santos avançou em velocidade e, na entrada da área e na saída do goleiro Cleiton, tocou entre as pernas do arqueiro e abriu o placar. 

Em desvantagem no placar, o Galo apertou a pressão sobre o adversário. Porém, com os paraenses recuados, encontrava dificuldades para chegar ao gol defendido por Weslley. 

Assim, terminou o primeiro tempo atrás no marcador.
Na volta do intervalo, o Atlético-MG subiu os zagueiros e aumentou a pressão sobre a Desportiva. Consequentemente, os paraenses ficaram mais recuados. 

Apesar da blitz sobre o rival, o Galo encontrava dificuldades para furar o bloqueio. E aos 26 minutos, levou um balde de água fria. 

Marco Antônio cobrou falta com perfeição e ampliou para a Desportiva. 

O Atlético-MG partiu para o tudo ou nada para buscar o empate que garantiria a classificação ao time. 

A missão ficou mais difícil quando o meia Thalis, logo depois do gol, fez uma falta dura e foi expulso. Bem postada em campo, a Desportiva conseguiu segurava o Galo. 

E aos 46, fez o terceiro. De pênalti, Leandro marcou. Gol que selou a classificação dos paraenses, e confirmou a eliminação do Atlético-MG.

Arquivo do blog

Seguidores

Analytics